• Quarta-Feira, 03 de Junho de 2020

Prefeito de Picos suspende serviço de mototáxi devido ao coronavírus

O decreto assinado pelo Padre Walmir entrou em vigor nesta terça-feira, dia 24 de março

Serviço de mototáxi é suspenso em Picos / Foto: Reprodução

Por José Maria Barros/Informa Picos

No final da tarde desta terça-feira, 24 de março, o prefeito de Picos, Padre José Walmir de Lima (PT), anunciou novas medidas que visam impactar diretamente no controle da epidemia do coronavírus. Dentre as restrições contidas no decreto recente assinado pelo gestor, está a suspensão do serviço de mototáxi.

Decreto foi assinado pelo prefeito de Picos, Padre Walmir/Foto: José Maria Barros.
 

Segundo o artigo 10º do decreto 42/2020, de 24 de março, fica suspenso o serviço de mototáxi no município de Picos enquanto durar os efeitos da quarentena previstos no artigo 2º do mesmo decreto.

Nesse período, fica autorizado apenas o serviço de mototáxi para atendimento das operações de delivery. Já o transporte de passageiros em mototáxis está proibido em Picos enquanto durar a quarentena para o enfrentamento da calamidade pública devido à ameaça do coronavírus.

Serviço emprega muitas pessoas em Picos/Foto: José Maria Barros.
 

O transporte de passageiros através de mototáxis era bastante utilizado em Picos, por isso a decisão tomada hoje pela administração municipal vai atingir dezenas de trabalhadores.

Pontos de mototáxis estão espalhados por vários pontos de Picos/Foto: José Maria Barros.
 

No decreto, o prefeito Padre Walmir não apresentou uma justificativa para a suspensão do serviço de mototáxis, mas, supõe-se que é devido o risco de contaminação, pois, além do compartilhamento do capacete, a distância do piloto para o passageiro seja inferior à distância recomendada pelas autoridades de saúde de uma pessoa para outra.

Serviço de mototáxi atende principalmente aos mais pobres/Foto: Reprodução.

 

Compartilhe:

Comentar

0 Comentários

  1. Nenhum comentário registrado para esta matéria. Seja o primeiro!

Veja Também