• Domingo, 19 de Maio de 2024

Morre em Picos aos 71 anos o popular Guardinha

Torcedor fanático do 4 de Julho, de Piripiri, João Batista Alves da Silva era muito conhecido em Picos

Popular Guardinha morre aos 71 anos / Foto: José Maria Barros

Vítima de infarto do Miocárdio faleceu na manhã desta quinta-feira, 9 de maio, no Hospital Regional Justino Luz, em Picos, o vigilante aposentado João Batista Alves da Silva, popularmente conhecido como Guardinha. Ele tinha 71 anos de idade e deixa esposa, três filhos e netos.

O corpo está sendo velado na Igreja do bairro Paroquial e o sepultamento ocorrerá na manhã de sexta-feira, na localidade Cajazeiras dos Gonçalves, onde residem familiares de sua esposa. No caixão, uma camisa do 4 de Julho, de Piripiri, time que era torcedor.

Popular Guardinha morre aos 71 anos/Foto: José Maria Barros.
 

Natural da cidade de Luzilândia, João Batista, Guardinha, residia em Picos há cerca de 40 anos. Aqui, ele trabalhou como vigilante na Caixa Econômica Federal se casou com uma picoense e constituiu família. Residia no bairro Paroquial.

Torcedor fanático do 4 de Julho, de Piripiri, o Guardinha era figura presente no estádio Helvídio Nunes de Barros, na Câmara Municipal de Picos e na praça Félix Pacheco, em Picos, onde fez muitos amigos.

Popular Guardinha morre aos 71 anos/Foto: José Maria Barros.
Popular Guardinha morre aos 71 anos/Foto: Arquivo pessoal.


    
 

Compartilhe:

Comentar

0 Comentários

  1. Nenhum comentário registrado para esta matéria. Seja o primeiro!

Veja Também